8 Arquétipos da Consciência Humana

As inúmeras faces da psique humana se torna um playground fascinante quando se encontra com os conceitos arquétipos Jungianos. Usados em contos e mitos psicológicos e expressos na arte, o incontável número de arquetípicos provém os caminhos potenciais do indivíduo. Carl Jung salienta que cada indivíduo se identifica e trabalha com 12 arquétipos principais no decorrer de sua experiência de vida, e esse conhecimento serve para se compreender melhor, sua disposição perante o mundo, como o enxerga e finalmente, sua sombra (ego). Continuar lendo “8 Arquétipos da Consciência Humana”

Anúncios

Mestre ou Desastre: A Arte de Viver entre a Mente e Não-Mente

 

“Um caminho espiritual genuíno não evita dificuldades ou erros, mas nos leva a arte de fazer erros despertos, trazendo-os para o poder transformador do nosso coração.” -Jack Kornfield

Seu ego é um instrumento, uma ferramenta, o mecanismo de alavancagem primitivo do self. Alguns até dizem que é o self. Ele está lá para equilibrar (mestre) ou dissociar (desastre) a nossa energia única, com a energia primordial do cosmos. É para sempre o meio de conexão e desconexão, de apego e desapego, dividida entre finitude e infinito. Quando o ego está sendo usado para dissociar, sua energia é co-dependente e é dividida entre o lamacento passado e o estar ansioso sobre o futuro.

Continuar lendo “Mestre ou Desastre: A Arte de Viver entre a Mente e Não-Mente”