Paridade do Ser – “Animismo ou Correntes de Pensamento de Povos Antigos” (1919)

 

Hoje iniciamos uma série de estudos de Xamanismo, e a primeira semente a ser plantada aqui no Jardim é a tradução do quinto capítulo do livro, “Animismo ou Correntes de Pensamento de Povos Antigos”, escrito por George William Gilmore em 1919, intitulado: “Parity Of Being/Paridade do Ser”, que explora a base da percepção perante a vida pelos povos antigos, tribais, indígenas e ancestrais. Continuar lendo “Paridade do Ser – “Animismo ou Correntes de Pensamento de Povos Antigos” (1919)”