Qual a diferença entre simpatia e empatia?

Nós somos empáticos, não simpáticos. Empatia é ter sensibilidade perante a situações e sentimentos de outros. A ouvir uma encantadora história sendo contada ao lado do contador… É o espaço de conforto para alguém que sabe que você pode compreender suas emoções. Todos nós experienciamos nossas próprias versões de compartilhamento de emoções, como a tristeza, a felicidade, etc. 

Definição de simpatia:

“Sentimentos de piedade e tristeza para a desgraça alheia.”

Definição de empatia:

“A HABILIDADE DE COMPREENDER E COMPARTILHAR OS SENTIMENTOS DO OUTRO ”

Nossa experiência de felicidade é única para cada um e aparentemente há coisas específicas, coisas diferentes que fazem cada um feliz. Quando alguém simpatiza com você, o indivíduo se baseia a sua compaixão do infortúnio de seu cenário. É como olhar para a situação a partir de uma perspectiva de fora, assim não se experimenta a dor compartilhada. Já falamos sobre Telepatia Empática em outro post muito interessante, que explora essa nossa capacidade de sentir e receber o que o outro sente, é uma forma aberta de escutar. Ser empático traz diversas sensações, você é capaz de sentir a dor dos outros e as vezes você nem se dá conta do por que. As vezes, não percebemos de onde vem a sensação, ficando difícil de distinguir se essa emoção que você está sentindo está vindo de você, da sua fonte, ou de outro alguém.
Estar no estado natural de empatia exige muita energia, especialmente se você usa essa sensibilidade perante o outro compartilhando sua dor na busca de curá-lo (curandeiros espirituais, etc). Ser simpático é ouvir o problema do outro e dizer “eu me sinto mal por você”. O que obtemos como resultado? Há muita informação sobre ser empático e como saber se você é um, mas essa resposta é óbvia, todos já são. Isso depende de quão abertas são suas emoções, quão transparentes nós podemos ser perante aqueles que estão ao nosso redor e o nível de comunicação.
tumblr_kzpt1udhH61qa2y6ao1_500-300x200
Todos tem a capacidade de empatizar com outro ser, é uma função natural que está dentro de todos nós. Pode-se escolher não sentir empatia e focar na indiferença bloqueando o que nos deixa desconfortável. E eu te pergunto novamente, qual é o resultado obtido? Reter ou conter sentimentos não é bom para o nosso emocional, isso nunca termina muito bem. Nossas emoções estão conectadas ao nosso corpo físico, portanto, seu mal gerenciamento pode levar a doenças. A emoção se expressará de um jeito ou de outro. Ser empático é ser capaz de se comunicar no momento, é a compreensão que você e seus pares são um reflexo seu, portanto você sabe que não há razão para temer, você não precisa ter medo de se comunicar honestamente. Você é o outro, e o outro também é você.
Seja empático, não tenha empatia com os outros, SEJA empatia. Seja a personificação da compreensão, seja um canal para a verdade e a consciência.
Tradução: NM
Por favor, lembre-se de compartilhar trechos ou textos completos do blog sempre com os devidos créditos!
Anúncios

Sobre YanRam

Capricorniana, com a cabeça nas nuvens e o pés na terra. Parte do mistério do Multiverso. Eterna aprendiz.

4 Respostas

  1. […] Voltando ao assunto, essa ligação é ainda mais visível na relação mãe e filho, especialmente na infância. Para além do que a mãe diga ou de como seja seu comportamento aparente, a criança sabe como a mãe se sente e identifica-se com isso, reproduz em seu comportamento as fantasias maternas, parecendo captá-las e torná-las suas. Nosso inconsciente é o reino da fantasia, dos desejos ou temores traduzidos em pensamentos e imagens que se refletem na consciência, a tal ponto que podemos de alguma forma dizer que somos as nossas fantasias já que o conceito de realidade é bem abstrato. E quando elas são comunicadas de um psiquismo a outro denominamos o processo “transmissão entre inconscientes”, quando se pode ter consciência do processo trata-se de “comunicação empática”. […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s